[PLANTÃO DE NOTÍCIAS]
CLIQUE PARA FECHAR
Água Clara/MS . 20 de Novembro de 2018
Entrevistas

03/09/2018 as 11h08 / Por Antonio Paulo Munhoz ()

Áudio sobre estuprador em série assusta Água-Clarenses e Comandante da PM fala sobre o caso

Indivíduo diz no áudio que três homens estão sequestrando e estuprando meninas em Água Clara

Imprimir

Um áudio do WhatsApp onde um indivíduo diz que três homens estão violentando e estuprando jovens em Água Clara está assustando e preocupando os moradores do município.  

No áudio, o homem afirma que “outra jovem foi estuprada na cidade e que este seria o segundo caso praticado pelos mesmos autores”. 

Confira o que o homem disse no áudio que está circulando no Whatsapp e amedrontando a população:

“Mais uma jovem ontem, às 11h00, ela foi dopada em frente a rodoviária, por aquela estância por ali. Parou o carro e os caboclos pularam e colocaram pano com produto no nariz dela, e assim ela desmaiou. Só Deus sabe onde eles levaram e estupraram a jovem que tem apenas 13 anos de idade e está internada na cidade de Três Lagoas. É a segunda jovem que esses três pegam, ninguém sabe quem é, você não vê polícia, nem a paisana, nem camburão, não tem câmera escondida na cidade e os caras estão aprontando aí, pegou a primeira menina de 16 anos, rasgaram tudo a guria e ela está internada, na semana passada. E agora quando foi ontem, quinta feira dessa semana, pegaram a de 13 anos, os mesmos três “cuiudos” e rasgou as meninas ai e mandaram um recado aí que pode trazer menina da cidade vizinha que as daqui eles irão rasgar tudo”.  

Comandante da PM se pronuncia sobre o caso

O áudio ganhou repercussão nas redes sociais e várias pessoas disseram que receberam o mesmo, o que gerou certo pânico nos moradores, especialmente naqueles que têm filhos. A reportagem do Portal Água Clara entrou em contato com o Tenente Nascimento, Comandante da Polícia Militar de Água Clara, para esclarecer a veracidade do caso. Veja o que disse o Tenente: 

“Isso não procede. Eu atribuo isso aí (o áudio) a pessoas mal intencionadas, a criminosos que queiram espalhar o terror na cidade. Não é a primeira vez que isso acontece em cidades do interior, já vivenciei isso várias vezes em outros municípios. São pessoas que criam esse tipo de situação para causar certa sensação de insegurança”, comentou o Comandante. 

“Nós precisamos de fatos, de registros e nos nossos sistemas policiais temos apenas um caso de estupro no mês de agosto. Obviamente que toda essa situação será investigada pela Polícia Civil. Fora isso não há algo parecido ou que venha aduzir que a pessoa foi sequestrada e estuprada. Isso é meramente boato”, disse. 

“A população pode ficar tranquila que as Polícias Militar e Civil estão nas ruas para promover a sensação de segurança, garantir a ordem pública e a incolumidade das pessoas”, finalizou o Tenente Nascimento. 

COMENTÁRIOS
VEJA TAMBÉM
Mega operação com apoio aéreo é deflagrada pelas forças policiais de Três Lagoas
Com 115 vagas para MS, ministério lança novo edital do Mais Médicos
Sobrinho de prefeito de MS é sequestrado em fazenda no Paraguai
YouTube adiciona filmes gratuitos e em breve opção chegará ao Brasil
© Copyright 2012 . Portal Água Clara